8 de Fevereiro de 2018 às 09:18

Comitê Nacional retoma calendário de ações para reafirmar caráter 100% público da Caixa

Caixa

Fenae

Reunido nesta quarta-feira (7), em Brasília (DF) – sede da Fenae, o Comitê Nacional em Defesa da Caixa fez um balanço da campanha “Defenda a Caixa você também”, concluindo que a iniciativa tem produzido resultados bastante positivos. Essa campanha será intensificada neste ano de 2018 e terá como foco a valorização dos empregados do banco, associado a questões pertinentes a um cenário com eleições em outubro e a uma proposta de plano de governo, combinando com a defesa da democracia. A avaliação é de que, seja qual for a conjuntura predominante no país, o caráter 100% público da Caixa Econômica Federal precisa ser reafirmado cada vez mais. 

Ficou definido que esse movimento continuará a ser desenvolvido em torno de ações organizativas, de comunicação e de mobilização. A avaliação é de que as iniciativas realizadas até agora, desde o lançamento do Comitê Nacional em 3 de outubro do ano passado, seja em relação ao material de divulgação/comunicação e à criação de comitês Brasil afora, seja por audiências públicas, atos e manifestações, foram bem-sucedidas. Existe o consenso de que a luta em defesa do papel social e público da Caixa não deve ficar restrita ao espaço interno da empresa, mas precisa envolver aliados em todas as empresas públicas e no conjunto da sociedade brasileira. 

Para o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira, que atua como um dos coordenadores nacionais da campanha em defesa da Caixa, a questão da falta de empregados é um problema crônico que tenderá a agravar-se no próximo período, sobretudo devido ao processo de enxugamento cada vez maior da empresa. “A mobilização pela contratação de mais empregados é uma estratégia que anda de braços dados com a manutenção da Caixa 100% pública e com a luta contra os ataques às empresas estatais e aos bancos públicos”, admitiu. 

Em 2018 o processo da mobilização em defesa da Caixa 100% pública deve ser mais politizado, até por conta do cenário a ser enfrentado no país, estando diretamente vinculado ao projeto de uma Caixa Econômica Federal que os trabalhadores e a sociedade lutam para construir. Assim pensa a representante eleita dos empregados no Conselho de Administração do banco, Maria Rita Serrano, para quem a sobrevivência da Caixa em um futuro próximo vai depender da situação política do país e de um projeto de governo. 

“O ano de 2018 começou com a Caixa sendo acusada de corrupção, devido ao afastamento de quatro vice-presidentes da empresa por gestão temerária, como resultado de uma disputa dentro do governo ilegítimo de Michel Temer. O processo eleitoral é outro cenário determinante. Nesse sentido, a defesa da Caixa precisa estar vinculada à defesa da democracia”, afirmou Rita Serrano. A representante dos empregados no CA disse ainda que, no ano passado (2017), o debate foi em torno da Caixa tornar-se Sociedade Anônima, risco que não existe mais, por enquanto, tendo em vista que o movimento nacional dos empregados conseguiu impedir que assim ocorresse, apesar de existir outras formas de desmonte provocadas por decisões do Conselho de Administração. Rita Serrano defendeu ainda que a campanha “Defenda a Caixa você também” adquira um viés também regionalizado, com a divulgação de spots em emissoras de rádio pelas cidades do interior do país. 

Presente à reunião desta quarta-feira (7), na condição de representante da Fenacef, Marlene Rodrigues Dias, que também é diretora de Assuntos de Aposentados e Pensionistas da Fenae, defendeu a tese de que a participação dos aposentados nessa campanha é importante, “pois a Caixa é um fator de pertencimento do segmento”. 

O diretor de Relações Institucionais da Fenag, Marconi Apolo, manifestou a opinião de que o momento requer a unidade de todos os setores. “Precisamos estar unidos e fortalecidos para ter êxito em nossas demandas e, hoje, nosso objetivo maior é a defesa da Caixa 100% pública”, ressaltou. E acrescentou: “É imprescindível o apoio da população. Precisamos mostrar para sociedade como é o país com ou sem a Caixa”. Marconi Apolo ressaltou ainda que o processo de valorização dos empregados passa pelo fortalecimento de uma agenda de novas mobilizações no âmbito dos comitês estaduais em defesa da Caixa, intensificando ainda a comunicação entre eles e o Comitê Nacional. 

O presidente da Aneac, Fernando Turino, reforçou que a luta dos trabalhadores da Caixa se soma à defesa do Estado Democrático de Direito. Um dos desafios, segundo ele, é trabalhar com os diversos públicos espalhados pelas regiões do país. E acrescentou: “Nesse momento, é preciso atuar em defesa da Caixa, sendo essencial o apoio da sociedade”. 

Fabiana Uehara, representante da Contraf/CUT, destacou que “a Caixa tem sido ao longo de sua existência o principal agente de políticas sociais do governo brasileiro, ajudando, especialmente, aquelas pessoas mais pobres a ter acesso a crédito, moradia, educação, saneamento, segurança, previdência e assistência social”.

Propostas 

Uma das principais propostas aprovadas na reunião do Comitê Nacional em Defesa da Caixa é a que prevê incorporar à campanha “Defenda a Caixa você também” todo o cenário do momento político do país. Nessa perspectiva, será elaborada uma carta-compromisso a ser entregue posteriormente a todos os candidatos aos cargos de presidente, governador, senador e deputado federal no pleito do próximo mês de outubro. 

Também serão divulgados spots para rádios e vídeos testemunhais em defesa da Caixa 100% pública, com declaração de personalidades nacionais, empregados, aposentados e representantes da sociedade civil. É preciso ainda denunciar a intervenção do Ministério da Fazenda na gestão da Caixa, pois a partir de agora, como prevê as regras estabelecidas pelo novo estatuto, tudo deverá ser negociado pelo Conselho de Administração e não mais pela direção da empresa, a exemplo de acordo coletivo, Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e contratação de mais empregados. 

Foi aprovada ainda a realização de um ato ou seminário em defesa da Caixa dentro do Congresso Nacional, buscando assim unir a luta pela manutenção do banco 100% público com a defesa da democracia, da cidadania e da justiça social. 

Participantes da reunião 

Participaram dessa reunião em Brasília o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira; a representante eleita dos empregados no Conselho de Administração da Caixa e membro do Conselho Fiscal da Fenae, Maria Rita Serrano; a representante da Federação Nacional das Associações de Aposentados e Pensionistas da Caixa (Fenacef) e diretora da Fenae, Marlene Dias; o diretor de Relações Institucionais da Federação Nacional das Associações dos Gestores da Caixa (Fenag), Marconi Apolo; o presidente da Associação Nacional dos Engenheiros e Arquitetos da Caixa (Aneac), Fernando de Carvalho Turino; e a diretora de Juventude da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf/CUT), Fabiana Uehara.   

Saiba mais sobre a campanha “Defenda a Caixa você também” acessando o site www.defendaacaixa.com.br.

Fonte: Fenae

Convênios saiba +

Clube de campo saiba +

Jogos/ Resultadossaiba +

Entre em contato

  • Jadir Fragas Garcia

    Jadir Fragas Garcia

    Secretário de Esportes e Lazer

  • Walter Ribeiro Castro

    Walter Ribeiro Castro

    Conselho Fiscal

  • Gilmar Antônio Gomes de Carvalho

    Gilmar Antônio Gomes de Carvalho

    Suplente do Conselho Fiscal

  • Coelho - João Manoel Andrade Coelho

    Coelho - João Manoel Andrade Coelho

    Suplente do Conselho Fiscal

  • Ricardo Inácio Maciel

    Ricardo Inácio Maciel

    Suplente do Conselho Fiscal

  • Arilson Pedro Aranda

    Arilson Pedro Aranda

    Suplente da Diretoria Administrativa

  • Donete Silvério de Souza

    Donete Silvério de Souza

    Suplente da Diretoria Administrativa

  • Marileda Ourives de Souza

    Marileda Ourives de Souza

    Suplente da Diretoria Administrativa

  • Moisés Graciliano Arguello

    Moisés Graciliano Arguello

    Suplente da Diretoria Administrativa

  • Elizabet Lousada Felipe

    Elizabet Lousada Felipe

    Diretores Zonais

  • Valdecy Martins de Souza

    Valdecy Martins de Souza

    Diretores Zonais

  • Calvino Braga de Araújo Júnior

    Calvino Braga de Araújo Júnior

    Suplente da Diretoria Zonal

  • Ricardo  Hofstadler Leonardo

    Ricardo Hofstadler Leonardo

    Suplente da Diretoria Zonal

Parceiros